A Inteligência Artificial na educação é uma área da ciência da computação que está transformando a gestão e o aprendizado dos alunos. 

Estudos dão conta de que o avanço da tecnologia tem ajudado a transformar processos e metodologias em diversas áreas. Uma delas é a educação, que tem se apoiado na Inteligência Artificial para melhorar o aprendizado das crianças.

Um exemplo recente foi apresentado em Hong Kong, onde uma escola tem usado a IA em sua metodologia de ensino. Um software chamado 4 Little Trees começou a ler as emoções dos alunos enquanto aprendem.

Ensino mais interativo

Os desenvolvedores  afirmam que o objetivo é ajudar os professores a personalizar e tornar o ensino a distância mais interativo, possibilitando responder às reações dos alunos em tempo real.

O algoritmo 4 Little Trees mede os micromovimentos dos músculos faciais e tenta identificar emoções como alegria, tristeza, raiva, surpresa ou medo.

Alerta de distração

A empresa garante que gera relatórios sobre o estado emocional de cada aluno, podendo também avaliar sua motivação e atenção. Ele também alerta os alunos para “prestarem atenção novamente quando estiverem distraídos”.

Assim, a AI trouxe facilidade ao aprendizado, visto que o aluno pode, inclusive, estudar de qualquer lugar do mundo e a qualquer momento. Fora isso, ela também amplia as habilidades dos estudantes.

Portanto, o uso da Inteligência Artificial na educação pode ajudar a eliminar as fronteiras do conhecimento.