memória

Glaucia Viola

Excesso de café pode comprometer saúde cerebral

Pesquisa da University of South Australia mostra que o excesso de café pode comprometer a saúde do cérebro. No maior estudo desse tipo, os pesquisadores descobriram que o alto consumo de café está associado a volumes cerebrais totais menores e a um maior risco de demência.

Leia Mais »
Roberta de Medeiros

Neurocientista comenta privação de oxigênio em recém-nascidos

A pesquisadora brasileira investiga os neurônios inibitórios, localizados no hipocampo e que auxiliam as “place cells”, que funcionam como GPS do cérebro. Com a privação de oxigênio neonatal, há morte de muitos neurônios dessa região, resultando, na fase adulta, uma redução na produção de novas células nervosas e consequente déficit de memória espacial.

Leia Mais »
Marta Relvas

O que ajuda a potencializar o cérebro ainda no útero?

O feto produz mais células neuronais do que as que ele necessitará quando nascer. A maturação do cérebro é considerável antes do nascimento com a produção de mais de 86 bilhões de células nervosas e ao longo dos dois primeiros anos de vida, com o crescimento contínuo do volume do cérebro, constitui um período de grande vulnerabilidade.

Leia Mais »
Marta Relvas

O brilho “escondido“ do cérebro humano e as células gliais

O funcionamento cerebral vai além das Células Neurônios. Estudos científicos comprovam que a aprendizagem não acontece apenas por meio das funções anatomofisiológicas dos neurônios e das terminações nervosas, estimuladas pelo potencial de ação das sinapses elétricas, mas acontece, de fato, com ajuda de uma célula muito especial denominada neuróglia.

Leia Mais »
Juliana Tavares

Psiquiatra desenvolve cirurgia da mente

Abordagem Integrada da Mente, desenvolvida pelo médico psiquiatra Diogo Lara, é inspirada em 18 escolas de Psicologia, inclusive Técnicas de Processamento de Memórias e meditação não dual, e resolve traumas, marcas e registros emocionais.

Leia Mais »
Paulo Velasco

Ensine seu cérebro a te fazer feliz!

Em certos momentos da vida ficamos em dúvida se o tempo é amistoso ou oponente às nossas pretensões e aspirações, no entanto, podemos modificar essa dúvida sobre o tempo para um sentido atemporal com a finalidade de atingir nossa satisfação íntima que unicamente é conquistada no momento “agora”. E isso pode ser feito de forma consciente no cérebro.

Leia Mais »