sentimento

Beatriz Breves

Sentir traz harmonia interna e favorece nossa saúde mental

Quantas pessoas vivem o sofrimento pessoal diante de uma dificuldade, mas mesmo tendo algum tipo de solução ao seu alcance, não conseguem aproveitar? E, ao contrário, quantas pessoas vivenciam o bem-estar pessoal e por mais que a vida esteja lhe desfavorecendo, frente a uma adversidade, conseguem encontrar leveza para se conduzir satisfatoriamente? A vazão do sentir é permitido e pode fazer muito bem à saúde mental.

Leia Mais »
Beatriz Breves

A ciência do sentir motiva a saúde mental e qualidade de vida

Os sentimentos são muito importantes em nossas vidas, basta observar a percepção das coisas quando estamos alegres, nos parecem mais fáceis de manejar. Em contrapartida, se estamos insatisfeitos, tudo fica pesado e difícil. Isto acontece em função da realidade psíquica que, inerente a cada pessoa, muito se vale dos sentimentos para qualificar a realidade externa.

Leia Mais »
Andre Codea

A sensibilidade emocional do professor na sala de aula

A Escuta Ativa dos alunos por parte do professor é um aspecto fundamental para que possa estabelecer a dialogicidade tão necessária nos dias atuais em sala de aula. Para isso, o professor precisa ter sensibilidade emocional, o que fará com que se aproxime das necessidades de seus alunos.

Leia Mais »
Bianca Acampora

O brincar terapêutico

A Ludoterapia é um ramo da Psicologia, também utilizada por psicopedagogos e arteterapeutas. É uma técnica não verbal, em que predomina a espontaneidade, a liberdade expressiva, o jogo e o prazer de brincar, se encontrando dentro das Psicoterapias Expressivas.

Leia Mais »
Marta Relvas

Plasticidade neural

O cérebro é capaz de se remodelar e reformular as suas conexões de acordo com as experiências ao longo da vida. Essa capacidade pode ser explorada no processo de aprendizagem, já que todo ser humano possui habilidade para aumentar seu repertório.

Leia Mais »
Anderson Zenidarci

Optamos pela doença?

A Psicossomática acredita que adoecer é uma necessidade do indivíduo e para muitos não é fácil entender ou aceitar essa premissa. Na teoria dessa abordagem, a doença ou a saúde seriam “opções inconscientes na vida do sujeito titular do corpo”.

Leia Mais »
Renata Bento

Fim da intimidade

Conduzir uma separação com resoluções construtivas é tarefa cuidadosa, pois se trata de um investimento afetivo. Esse processo de retirada do investimento emocional é delicado e muito particular.

Leia Mais »