estimulaçãomagnéticatranscraniana

Roberta de Medeiros

Novos estudos sobre estimulação magnética transcraniana

Estudos feitos pela equipe do psiquiatra Marco Antonio Marcolin, do Departamento de Neurologia do Hospital das Clínicas da USP, mostra que estimulação magnética transcraniana pode ser tratamento eficaz contra depressão, transtorno obsessivo-compulsivo, dependência química, alucinações, autismo, além de várias outras possibilidades.

Leia Mais »